09/10/2014

8.869.(9out2014.13.31') Soluções CDU.Conversa Pública.Jantar PCP.CDU.

***
Nós preparamos o XX.º Congresso do PCP
doutra forma
com abertura e informação
como por exemplo:
10noVEMbro2016
20h
Restaurante Paraíso

https://www.facebook.com/cdualcobaca/photos/a.463038577120586.1073741828.462786247145819/1200365563387880/?type=3&theater
***
Soluções CDU.Conversa Pública com Sérgio Ribeiro e PCP explicita que não é uma saída do euro à pressa...

https://www.facebook.com/cdualcobaca/photos/a.436031946503249.1073741828.426939764079134/719278708178570/?type=1&theater
SOLUÇÕES PARA UMA VIDA MELHOR!
Dia 21 de Maio de 2015  com o camarada Sérgio Ribeiro
(Economista ex-deputado da Parlamento Europeu do PCP)
No Auditório da Biblioteca Municipal de Alcobaça 
pelas 21h30'
***
Via benedita.fm

Alcobaça: Economista Sérgio Ribeiro em debate da CDU

A CDU de Alcobaça organiza esta quinta-feira à noite no Auditório da Biblioteca Municipal uma sessão de debate com Sérgio Ribeiro Economista ex-deputado da Parlamento Europeu do PCP , uma sessão com inicio às 21h30.
***
uma grande intervenção na AR
http://www.pcp.pt/para-o-psd-vivemos-no-para%C3%ADso-e-n%C3%A3o-sabemos

Intervenção de António Filipe na Assembleia de República

"Para o PSD, vivemos no paraíso e não sabemos"

Intervenção de António Filipe no debate agendado pelo PCP sobre o Projecto de renegociação da dívida, preparação do país para a saída do euro e o retomar do controlo público da banca.
***
Via TSF
8out2014
«Seria catástrofe uma saída precipitada do euro», afirma Jerónimo de Sousa
Última atualização hoje às 12:28,
Publicado hoje às 11:36
O secretário geral do PCP Jerónimo de Sousa explicou esta manhã, no Fórum TSF, que a proposta do partido para a saída de Portugal do euro «é um processo e não um ato súbito».
http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=4170202&utm_source=dlvr.it&utm_medium=facebook

«A nossa proposta não prevê, achamos até que seria uma catástrofe, uma saída precipitada do euro que implicaria condições terríveis para o nosso país e para o nosso povo. O que nós dizemos é que de haver uma preparação para encarar a saída num processo e nunca num ato súbito», esclareceu Jerónimo de Sousa.
No Fórum da TSF, o líder do PCP lembrou ainda que o partido nunca recusa qualquer tipo de "pontes", mostrando-se disponível para conversar com António Costa. No entanto, Jerónimo de Sousa acrescentou que o PS tem de alterar o caminho.
«Não podemos branquear um PS só porque conseguiu pôr o conta-quilómetros a zero. O PS tem graves responsabilidades na situação que vivemos hoje», advertiu.
Em relação a outras alianças, Jerónimo de Sousa afirmou que gostava de conhecer propostas.
***