29/03/2014

7.734.(29mar2014.14.41') Clarice Lispector

Nasceu a 10dez1920
e morreu a 9dez1977
***

https://www.facebook.com/282054545145829/photos/a.282056735145610.78181.282054545145829/961674190517191/?type=1&theater
“Minha alma tem o peso da luz. Tem o peso da música. Tem o peso da palavra nunca dita, prestes quem sabe a ser dita. Tem o peso de uma lembrança. Tem o peso de uma saudade. Tem o peso de um olhar. Pesa como pesa uma ausência. E a lágrima que não se chorou. Tem o imaterial peso da solidão no meio de outros."

"A Hora da Estrela’ (seu último bilhete no leito no Hospital da Lagoa, no Rio de Janeiro, no dia 7 de Dezembro de 1977"

art"rogerio zgiet"

***
Eu sou uma pergunta... Sou tudo o que não tem explicação. Sou alguém em constante construção.
***

https://www.facebook.com/208450935856763/photos/a.208744795827377.46981.208450935856763/759179840783867/?type=1&theater
"Sabe o que eu quero de verdade?! Jamais perder a sensibilidade, mesmo que às vezes ela arranhe um pouco a alma. Porque sem ela não poderia sentir a mim mesma..."
***

https://www.facebook.com/349094905211303/photos/a.349115855209208.1073741828.349094905211303/592841450836646/?type=1&theater
Sou composta por urgências: 
minhas alegrias são intensas; 
minhas tristezas, absolutas. 
Entupo-me de ausências,
Esvazio-me de excessos. 
Eu não caibo no estreito,
eu só vivo nos extremos.

Pouco não me serve,
médio não me satisfaz,
metades nunca foram meu forte!

Todos os grandes e pequenos momentos,
feitos com amor e com carinho,
são pra mim recordações eternas.
Palavras até me conquistam temporariamente...
Mas atitudes me perdem ou me ganham para sempre.

Suponho que me entender
não é uma questão de inteligência
e sim de sentir,
de entrar em contacto...
Ou toca, ou não toca.

***

https://www.facebook.com/559343457434706/photos/a.559507790751606.1073741828.559343457434706/792783104090739/?type=1&theater
“O Sonho é mais completo que a Realidade…
Esta Afoga-me na Inconsciência. 
O que importa Afinal?! 
Viver ou saber que se está Vivendo?..."

Imagem- © Ravshaniya “Slave of Love”

***

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10204451021069127&set=np.99955620.1576428905&type=1&theater&notif_t=close_friend_activity
***

https://www.facebook.com/LuadeProverbia/photos/a.697934930240329.1073741825.337459849621174/826568237376997/?type=1&theater
"Vivo de esboços não acabados e vacilantes. Mas equilibro-me como posso..."
***

https://www.facebook.com/FabricaEscrita/photos/a.462529847093435.111436.462489187097501/865351250144624/?type=1&theater
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostrem o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração.
Não me façam ser quem não sou. 
Não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente.
Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão. 
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma para sempre.

(imagem: the constructed self por is a belle, Flickr)

***

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=692581504110900&set=a.559507790751606.1073741828.559343457434706&type=1&theater
Minha alma tem o peso da luz.
Tem o peso da música. 
Minha alma tem o peso da palavra nunca dita,
prestes, quem sabe, a ser dita.
Minha alma tem o peso de uma lembrança.
Tem o peso de uma saudade.
Tem o peso de um olhar.
Pesa como pesa uma ausência.
Pesa como a lágrima que não se chorou.
Minha alma tem o imaterial peso da solidão...
No meio dos outros...

***
"Eu escrevo sem esperança de que o que eu escrevo altere qualquer coisa. Não altera em nada... Porque no fundo a gente não está querendo alterar as coisas. A gente está querendo desabrochar de um modo ou de outro..."
***

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=807221032627925&set=a.314428228573877.94601.313075708709129&type=1&theater
A virtude da vida não está em fazer aquilo que se gosta,
e sim gostar daquilo que se faz.
Por isso seja forte, não como as ondas que tudo destrói, 
mas como as pedras que tudo suporta.
***

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1494279187452617&set=a.1393838497496687.1073741828.1393828550831015&type=1&theater
Não te amo mais.
Estarei mentindo dizendo que
Ainda te quero como sempre quis.
Tenho certeza que
Nada foi em vão.
Sinto dentro de mim que
Você não significa nada.
Não poderia dizer jamais que
Alimento um grande amor.
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
Eu te amo!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
É tarde demais…

(Agora leia de baixo para cima)

***
20 livros da Clarice aqui:

20 obras da escritora Clarice Lispector, como A Hora da Estrela, A Legião Estrangeira, A Maça no Escuro estão para download gratuito. Clarice Lispector (1920-1977) foi escritora e jornalista brasileira, de origem judia, reconhecida como uma das mais importantes escritoras do século XX. A ‪#‎tecnologia‬ permite o acesso e compartilhamento de conhecimento, então confira: http://bit.ly/1jQMfKh
Gosto das cores, das flores, das estrelas, do verde das árvores, gosto de observar. A beleza da vida se esconde por ali, e por mais uma infinidade de lugares, basta saber, e principalmente, basta querer enxergar.
***


https://www.facebook.com/photo.php?fbid=303284073159976&set=a.118767951611590.23300.118731638281888&type=1&theater
"Há momentos na vida em que sentimos tanto a falta de alguém que o que mais queremos é tirar essa pessoa de nossos sonhos e abraçá-la."
***
"Não sou completa, não. Completa lembra realizada. Realizada é acabada. Acabada é o que não se renova a cada instante da vida e do mundo. Eu vivo me completando... mas falta um bocado."
Via Jesus L
***

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=312735975548119&set=a.118767951611590.23300.118731638281888&type=1&theater
"O que nos impede na maioria das vezes de ter o que queremos, de ser o que sonhamos, de fazer o que pensamos e aceitar com o coração, é a ousadia que não cultivamos."
***

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=874830872543715&set=a.497810220245784.132101.376665242360283&type=1&theater
***

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=721972284508777&set=a.333190936720249.73529.332459973460012&type=1&theater
"Não me dêem fórmulas certas, por que eu não espero
acertar sempre. Não me mostrem o que esperam de mim, por que vou seguir meu coração. Não me façam ser quem não sou. Não me convidem a ser igual, por que sinceramente sou diferente. Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão. Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra sempre."
**

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=789120387767711&set=a.462529847093435.111436.462489187097501&type=1&theater
***


https://www.facebook.com/349094905211303/photos/a.349115855209208.1073741828.349094905211303/535610543226404/?type=1&theater
Dizem que a vida é para quem sabe viver, mas ninguém nasce pronto. A vida é para quem é corajoso o suficiente para se arriscar e humilde o bastante para aprender. 
***


https://www.facebook.com/263829750315981/photos/a.263915366974086.68160.263829750315981/724190434279908/?type=1&theater

O verão está instalado no meu coração.
***
"Dizem que a vida é para quem sabe viver, mas ninguém nasce pronto. A vida é para quem é corajoso o suficiente para se arriscar e humilde o bastante para aprender."
***

https://www.facebook.com/389742681051228/photos/a.724306044261555.1073741825.389742681051228/846706452021513/?type=1&theater
***
Uma das coisas que aprendi é que se deve viver apesar de. Apesar de, se deve comer. Apesar de, se deve amar. Apesar de, se deve morrer. Inlcusive muitas vezes é o próprio apesar de que nos empurra para a frente. Foi o apesar de que me deu uma angústia que insatisfeita foi a criadora da minha própria vida. 

 in 'Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres'
***

https://www.facebook.com/CestasMichelli/photos/a.242502675778040.74169.210736642287977/764054970289472/?type=1&theater
************
Já escondi um amor com medo de perdê-lo, já perdi um amor por escondê-lo. 
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos. 
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso. 
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro "me acho, me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram... Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das ideias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.

Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer:

- E daí? Eu adoro voar.
********
"Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das ideias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!"

***
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=517111885065632&set=a.185839121526245.36153.185835768193247&type=1&theater
Sou o que quero ser, porque possuo apenas uma vida e nela só tenho uma chance de fazer o que quero. Tenho felicidade o bastante para fazê-la doce dificuldades para fazê-la forte, tristeza para fazê-la humana e esperança suficiente para fazê-la feliz. As pessoas mais felizes não tem as melhores coisas, elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos.
********
Eu sou aquela composta de urgências: minhas alegrias são intensas, minhas tristezas, absolutas. 
Me entupo de ausências, me esvazio de excessos. 
Eu não caibo no estreito, eu só vivo nos extremos.
Eu caminho, desequilibrada, em cima de uma linha ténue ... entre a lucidez e a loucura.
Eu sou aquela diferente de todos mas parecida na mudança.













***
"E eu tinha resolvido que ia dormir para poder sonhar, estava com saudades das novidades do sonho."
***
Sou como você me vê…posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar…suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato…tenho uma alma muito prolixa e uso poucas palavras, sou irritável e firo facilmente. Também sou muito calma e perdoo logo. 
Não esqueço nunca. Mas há poucas coisas de que eu me lembre…
Tenho felicidade o bastante para ser doce,dificuldades para ser forte,tristeza para ser humana e esperança suficiente para ser feliz. Não me dêem fórmulas certas, por que eu não espero acertar sempre. Não me mostrem o que esperam de mim, por que vou seguir meu coração. Não me façam ser quem não sou. Não me convidem a ser igual, por que sinceramente sou diferente. Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão. Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra sempre…Sou uma filha da natureza:quero pegar, sentir, tocar, ser.
E tudo isso já faz parte de um todo, de um mistério.
Sou uma só… Sou um ser…a única verdade é que vivo.
Sinceramente, eu vivo.
***
Via Gisela M
"Fico com medo. Mas o coração bate. O amor inexplicável faz o coração bater mais depressa. A garantia única é que eu nasci. Tu és uma forma de ser eu, e eu uma forma de te ser: eis os limites de minha possibilidade."

***
"Você só terá sucesso na vida quando perdoar os erros e as decepções do passado."
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=295667000588350&set=a.118767951611590.23300.118731638281888&type=1&theater
***
"Não me prendo a nada que me defina. 
Sou companhia, mas posso ser solidão;
tranquilidade e inconstância; pedra e coração. 
Sou abraços, sorrisos, ânimo, bom humor, sarcasmo, preguiça e sono.
Música alta e silêncio. 
Serei o que você quiser, mas só quando eu quiser."
Via Ana C
ooo

***

11
"Minha liberdade é escrever. A palavra é o meu domínio sobre o mundo."
12
Escrever é procurar entender, é procurar reproduzir o irreproduzível, é sentir até o último fim o sentimento que permaneceria apenas vago e sufocador. Escrever é também abençoar uma vida que não foi abençoada."
13
"Não quero ter a terrível limitação de quem vive apenas do que é possível fazer sentido. Eu não: quero é uma verdade inventada."
14
"A harmonia secreta da desarmonia: quero não o que está feito mas o que tortuosamente ainda se faz. Minhas desequilibradas palavras são o luxo de meu silêncio. Escrevo por acrobáticas aéreas piruetas - escrevo por profundamente querer falar. Embora escrever só esteja me dando a grande medida do silêncio."
15
"Muitas coisas você só tem se for autodidacta, se tiver a coragem de ser. Em outras, terá que saber e sentir a dois."
16
É preciso não esquecer e respeitar a violência que temos. As pequenas violências salvam-nos das grandes."
17
Quem é capaz de sofrer intensamente, também pode ser capaz de intensa alegria."
18
"O óbvio é a verdade mais difícil de se enxergar."
19
"Amor será dar de presente um ao outro a própria solidão? Pois é a coisa mais última que se pode dar de si."
20

"A realidade é inacreditável."
21
A vida é uma grande sedução onde tudo o que existe se seduz."
22
"Toda a compreensão súbita é a revelação de uma aguda incompreensão."
23
"O meu erro deve ser o caminho de uma verdade: pois só quando erro é que saio do que conheço e do que entendo. Se a «verdade» fosse aquilo que posso entender - terminaria sendo apenas uma verdade pequena, do meu tamanho."
24
"O perigo de meditar é o de sem querer começar a pensar, e pensar já não é meditar, pensar guia para um objectivo."
25
Quando uma pessoa é o próprio núcleo, ela não tem mais divergências. Então ela é a solenidade de si própria, e não tem mais medo de consumir-se ao ritual consumidor."
26

"O mistério do destino humano é que somos fatais, mas temos a liberdade de cumprir ou não o nosso fatal: de nós depende realizarmos o nosso destino fatal."
27
Tornar-se humano pode-se transformar em ideal, e sufocar-se de acréscimos... ser humano não deveria ser um ideal para o homem que é fatalmente humano, ser humano tem que ser o modo como eu, coisa viva, obedecendo por liberdade ao caminho do que é vivo, sou humana.
28
Os homens elogiam muito o que sentem. O que é tão perigoso como execrar o que se sente."
29

"O sofrimento não é medida de vida: o sofrimento é subproduto fatal e, por mais agudo, é negligenciável."
30
"Manifestar o inexpressivo é criar."
31
"O tédio é de uma felicidade primária demais! E é por isso que me é intolerável o paraíso."
32
Não estou à altura de ficar no paraíso porque o paraíso não tem gosto humano."
33
"Prescindir da esperança significa que eu tenho que passar a viver, e não apenas a me prometer a vida."
***
 Uma das coisas que aprendi é que se deve viver apesar de. Apesar de, se deve comer. Apesar de, se deve amar. Apesar de, se deve morrer. Inlcusive muitas vezes é o próprio apesar de que nos empurra para a frente. Foi o apesar de que me deu uma angústia que insatisfeita foi a criadora da minha própria vida. 

in 'Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres'
***

"Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das ideias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!"
***
Eu sou aquela composta de urgências: minhas alegrias são intensas, minhas tristezas, absolutas. 
Me entupo de ausências, me esvazio de excessos. 
Eu não caibo no estreito, eu só vivo nos extremos.
Eu caminho, desequilibrada, em cima de uma linha ténue ... entre a lucidez e a loucura.
Eu sou aquela diferente de todos mas parecida na mudança.
***


Sou como você me vê…posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar…suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato…tenho uma alma muito prolixa e uso poucas palavras, sou irritável e firo facilmente. Também sou muito calma e perdoo logo. 
Não esqueço nunca. Mas há poucas coisas de que eu me lembre…
Tenho felicidade o bastante para ser doce,dificuldades para ser forte,tristeza para ser humana e esperança suficiente para ser feliz. Não me dêem fórmulas certas, por que eu não espero acertar sempre. Não me mostrem o que esperam de mim, por que vou seguir meu coração. Não me façam ser quem não sou. Não me convidem a ser igual, por que sinceramente sou diferente. Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão. Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra sempre…Sou uma filha da natureza:quero pegar, sentir, tocar, ser.
E tudo isso já faz parte de um todo, de um mistério.
Sou uma só… Sou um ser…a única verdade é que vivo.
Sinceramente, eu vivo.
***
Via Gisela Mendonça:
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10202511567784007&set=np.85012051.1576428905&type=1&theater&notif_t=close_friend_activity
Sou uma filha da natureza:
quero pegar, sentir, tocar, ser.
E tudo isso já faz parte de um todo,
de um mistério.
Sou uma só... Sou um ser.
E deixo que tu sejas. Isso assusta-te?
Creio que sim. Mas vale a pena.
Mesmo que doa. Dói só no começo.

***
***
"...Cuide-se como se você fosse de ouro, ponha-se você mesmo de vez em quando numa redoma e poupe-se..."
***

"Ainda bem que existe sempre outro dia. E outros sonhos. E outros risos. E outras pessoas. E outras coisas."
***
Via Maria Elisa Ribeiro
***


https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1050016048348297&set=a.104671869549391.10003.100000197344912&type=1&theater
***

RR

Eu sou aquela composta de urgências: minhas alegrias são intensas,
minhas tristezas, absolutas.

Me entupo de ausências, me esvazio de excessos.

Eu não caibo no estreito, eu só vivo nos extremos

.
Eu caminho, desequilibrada, em cima de uma linha ténue ... entre a
lucidez e a loucura.

Eu sou aquela diferente de todos mas parecida na mudança.