02/05/2015

9.832.(2maio2015.12.55') Neste dia...3maio...vou rELEVAR: UM+48.avÔ, SOL,OTCA, euro confirmado, Vasco Gonçalves, Colombo descobre Jamaica,Maquiavel, Pete Seeger, James Brown, começa o julgamento de ÁLVARO CUNHAL, DM da Liberdade de Imprensa E A POESIA DE JOAQUIM PESSOA

***
2017
UM+48avÔ
freQUENTEmente tenho
MARés-VIVAS
             de pensAMEntos
***
2016
48.avÔ
aprender.amar.trabalhar
trabalho.amor.aprender (sempre)
aprender não esgota
                              desenvolve
                                          dá corAGEm
                                               faz mbem à saúde
rejuvenesce
dá força no envelheCER
*
Estar sempre do lado do ÂMAgo
*
11' de puro silêncio
para ouvir o que não se escuta
*
fazer aconteCER
*
VIVERdade e frontalidade
*
ir à proCURA do nasCER e do Pôr do sol/lua
e de x em quando conseguir uma aurora
*
É uma unção
*
Foi +1 mar bravo de carícias
***
2016...memórias deste dia:
Mosteiro d' ALCOBAÇA by António Vicente
comentei asSIM:
ALCOBAÇA que vos abRRaça...Hotel no Claustro do Rachadouro (Biblioteca) será uma bELA notícia em breve?
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1013069815439544&set=gm.1001693003242498&type=3&theater
**
Rua Dr. Brilhante...by José Eduardo Oliveira
comentei asSIM:
brilhanteeeeeeeeee...R.Dr. Brilhante...uma das ruas d'ALCOBAÇA que vos abRRaça...1 lição d' ontem e 1 bela investigação doJosé Eduardo Oliveira para o Região de Cister
*
2maio2016...Vale Furado...d' ALCOBAÇA que vos abRRaça
by Adelino Pataias
https://www.facebook.com/adelino.pataias/posts/10154150925934819
**
túnel de s.MARtinho by Fernanda Matias

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1595193790808998&set=pcb.10154253767898969&type=3&theater

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1595193770809000&set=pcb.10154253767898969&type=3&theater
*

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1594882437506800&set=pcb.10154252503668969&type=3&theater

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1594882460840131&set=pcb.10154252503668969&type=3&theater
**
by Paula Bluemchen

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1310877632261491&set=gm.10154253667388969&type=3&theater
*
by João Moura

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1021749094567539&set=gm.10154253925133969&type=3&theater
*
by João Patrício

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=609023025916152&set=oa.10154253926703969&type=3&theater
**
by Nuno Oliveira
7h7'7"

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1003430833026023&set=gm.10154252356463969&type=3&theater
**
1maio2016...Falca...d' ALCOBAÇA que vos abRRaça
Hermano Lopes
https://www.facebook.com/hermano.almeidalopes/posts/1008788229208518
*
https://www.facebook.com/hermano.almeidalopes/posts/1008785032542171
*
1maio2016...Hermano diz Légua, mas é capaz de ser , ainda Falca...d' ALCOBAÇA que vos abRRaça
https://www.facebook.com/hermano.almeidalopes/posts/1008782229209118
***
2015...memórias deste dia:
aquela praia...lançamento do livro de Palma Rodrigues
Foto de Amigos das Letras.
https://www.facebook.com/amigosdasletrasalcobaca/photos/a.651355664915011.1073741830.646937888690122/964344276949480/?type=3&theater
*
com a Marta Marques
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=980561805301464&set=a.980561398634838.1073741926.100000429611223&type=3&theater
*
com a Sofia e a Marta Luís
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=980561661968145&set=a.980561398634838.1073741926.100000429611223&type=3&theater
*
https://www.facebook.com/amigosdasletrasalcobaca/photos/a.651355664915011.1073741830.646937888690122/964344650282776/?type=3&theater
***
2014...memórias deste dia:
e finalmente o oceano adormeceu...não ondulou...paREDES da VITÓRIA...união (à forçaaaaaa) Pataias.Martingança...d' ALCOBAÇA que vos abRRaça
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10152397508804819&set=a.10150262398389819.346034.835759818&type=3&theater
*
2.22.2" é bom segundo para partILHArr TORGA:
"Não te sei dizer mais.
Depois de tantos versos,
Que te baste o silêncio
Dum poeta ardente,
Que sempre, naturalmente,
Foi além das palavras
Do amor, amando.
Que, em cada beijo,
Selava os lábios que o nomeavam.
Que aprendeu, a sofrer,
Que tudo acontecia
No acontecer.
Que, até nas horas de evasão, sabia
Que a verdadeira vida vive-se a viver."

http://uniralcobaca.blogspot.pt/2014/04/77632abril201417h-miguel-torga.html
*
1 acto vergonhoso...Cavaco premeia os amigalhaços!!!
https://www.facebook.com/QuemNaoOffshoraNaoMama/photos/a.397152120375926.93517.396276083796863/618521964905606/?type=3
*
Há que saudar as obras de restauro do claustro D.Dinis...a extª chaminé...telhados...gárgulas...da abadia d' ALCOBAÇA que vos abRRaça
http://uniralcobaca.blogspot.pt/2014/05/claustro-d-dinis-restaurado.html
***
2013...memórias deste dia:
CCCELA...amanhã 13.30' /24h e domingo 12.30'/21.30' pode apreciar e adquirir belas obras de artesanato...Espalhe a notícia...depois terá música para animar a Feira de Artesanato promovida pela AAOTA
http://uniralcobaca.blogspot.pt/2013/04/648626abril20131050-4-e-5-de-maio-no.html
*
Não podemos aceitar más respostas hospitalares!!! 3 casos de mau atendimento nas urgências...Bem sabemos da qualidade dos quadros técnicos do Hospital d'Alcobaça...Nas urgências ouvimos muita insatisfação...Querem contar-nos factos verídicos, sem citar nomes???
*
Arménio Carlos na linha certa!!!
*
PCP na linha certa...e a alternativa é:
(...) A política patriótica e de esquerda é uma política de aumento da produção nacional que tem como prioridade a substituição de importações por produção nacional sem prejuízo do estímulo às exportações.
Produção nacional com uma política de desenvolvimento e promoção industrial que garanta a recuperação de indústrias básicas estratégicas (siderúrgica; metalurgia associada à valorização de metais básicos; metalomecânicas, eletromecânicas, elétricas e eletrónicas; química pesada; reparação e construção naval), o fortalecimento de indústrias de alta tecnologia (química fina, farmacêutica, aeronáutica e espacial, tecnologias da informação e comunicação e automação, novos materiais e biotecnologia).
Produção nacional com uma política de apoio à agricultura e às pescas, em particular no apoio aos pequenos produtores e na defesa das fileiras existentes.
Produção nacional com a reanimação e reforço do objeto estatutário da Empresa de Desenvolvimento Mineiro, com vista à retoma da prospeção, desenvolvimento, exploração e transformação de minérios.
Produção nacional com o reforço do investimento público virado para o crescimento económico, a valorização do mercado interno, a dotação dos meios necessários à Caixa Geral de Depósitos visando o financiamento direto da economia.
Produção nacional com o reforço do Sector Empresarial do Estado e o apoio às micro, pequenas e médias empresas com imposição de preços máximos dos fatores de produção (crédito, seguros, energia, telecomunicações, portagens, etc.) e a alteração das regras fiscais mais gravosas.
Produção nacional aproveitando a capacidade, experiência, conhecimento, e qualificação dos trabalhadores e do povo português, em particular dos mais de um milhão e meio de desempregados, das jovens gerações, numa estratégia de aproveitamento dos recursos nacionais visando o pleno emprego.
Uma política para produzir mais e dever menos, para criar mais riqueza e mais emprego.
A política patriótica e de esquerda que propomos exige a recuperação pelo Estado do comando democrático da economia, do sector financeiro e de outros sectores básicos e estratégicos, pondo fim às privatizações, assegurando a efetiva subordinação do poder económico ao poder político e a adoção de uma política onde as empresas e instituições públicas – no plano dos seus investimentos, consumos, parcerias – privilegiem o aparelho produtivo nacional.
A política patriótica e de esquerda que o País precisa é uma política de valorização do trabalho e dos trabalhadores, dos salários – incluindo o salário mínimo-, reformas, pensões e de outros rendimentos e prestações sociais garantindo o aumento do poder de compra da população, indispensável por razões sociais e por razões económicas, a par do combate à precariedade e ao desemprego.
A política patriótica e de esquerda é a política da defesa e garantia das funções sociais do Estado, dos direitos sociais e de serviços públicos de qualidade, em particular na saúde, na educação, na proteção social, rejeitando o aumento da idade da reforma, pondo fim à destruição da administração pública e ao despedimento e retirada dos direitos aos seus trabalhadores.
A política patriótica e de esquerda que apresentamos é uma política de libertação do país das imposições supranacionais, contrárias ao interesse do seu desenvolvimento, a defesa da soberania política, económica e orçamental, designadamente nas relações com a União Europeia e no plano da União Económica e Monetária, afirmando o primado dos interesses nacionais, diversificando as relações económicas e financeiras.
Esta é a política indispensável, urgente e inadiável, cuja concretização passa pela demissão do Governo, a convocação de eleições legislativas antecipadas, abrindo o caminho a uma alternativa política patriótica e de esquerda vinculada aos valores de Abril.
Este caminho é possível.
O caminho da alternativa que está nas mãos dos trabalhadores e do povo, dessa força que ontem encheu as ruas e praças do nosso País e que crescerá neste Maio de resistência, luta e confiança, por um Portugal com futuro.
*
pitadinhas de Mia Couto
Acendemos paixões no rastilho do próprio coração. O que amamos é sempre a chuva entre o voo da nuvem e a prisão do charco. Afinal, somos caçadores que a si mesmos se azagaiam. No arremesso certeiro vai sempre um pouco de quem o dispara.
MIA COUTO
No livro "Cada Homem é uma Raça".
https://www.facebook.com/miacoutooficial/photos/a.298941346819589.66688.298257536887970/511914408855614/?type=3&theater
*
pitadinhas de Vinícius
via gisela
É um sossego, uma unção,
um transbordamento de carícias
E só te pede que te repouses quieta,
muito quieta
E deixes que as mãos cálidas da noite
encontrem sem fatalidade
o olhar estático da aurora.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10200589658817484&set=a.1181415429102.28176.1639690204&type=3
*
boa noite com bELOS sonhos para tds...d' Alcobaça que vos abRRaça
https://www.youtube.com/watch?v=XTSJJe0aBuk
***
2011...memórias deste dia:
2 grandes mulheres a jantar connosco,,,Ana Rita e Vanda Marques!!! CDU no PARAíSO, só na Benedita - Alcobaça!!!
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=215459931814906&set=a.105332022827698.10833.100000527034125&type=3&theater
*
tds precisamos de...
SADE
https://www.youtube.com/watch?v=_WcWHZc8s2I&list=RD_WcWHZc8s2I#t=1
*
1 mergulhão no passado
https://www.youtube.com/watch?v=093GjYcDg-4&list=RD093GjYcDg-4#t=0
*
a estatística do blogue unir:
http://uniralcobaca.blogspot.com/…/45003maio22h-desde-63201…
*
e fico por aqui nas memóRIAS...9h9' da noite...aquel' abRRaço para tds
otis Reding
https://www.youtube.com/watch?v=q6Em1h6gXVU&list=RDq6Em1h6gXVU#t=0
*
há que tempos que não ouvia esta...
Gigliola Cinquetti
https://www.youtube.com/watch?v=Obgfuv6WA-M&list=RDObgfuv6WA-M
*

AROMAS

Dorme o Mar, ao longe.
Estendeu línguas de azul quente, por pontais de areia lúbrica…
…silente…ansiosa por sensações ardentes…
Uma luz de azulado anil toca meu corpo, febril,
espraiado entre místicas palmeiras,
na sombra ramosa de cocos das descobertas.
Afundo-me, completamente, no desvario das alegorias
do pecado,
ao sentir a espuma maliciosa aflorar-me a pele sedenta, de tão macia…
E sinto o odor das flores abertas
do meu jardim, escondido…minha Pedra de Roseta
nunca decifrada…segredo de sereia mutilada
no NADA que finge TUDO…

Trespassada pelo canto estranho
das aragens marinhas que falam,
mergulho no centro das águas do mar, ali…
naquele ponto, onde as vejo a respirar…

Cheirou-me a ti! Chegaste, disfarçado
nos ares da maresia, em pontos de sensual euforia!
E cheira a tudo…a violetas bravias, a camélias fugidias
da madeira oriental!
PARA MEU BEM…ÉS MEU MAL!
Tudo em redor murmura e suspira!
E a harmonia da humanidade está nesta doce verdade,
do ouvir-não ouvindo…do sentir-fazendo de conta…
…do reagir à vontade do QUERER-SER!

Estou em peregrinação numa romaria de paixão!
Sinto que esperas as poeiras de oiro das estrelas fumegantes,
junto do meu rio de margens húmidas,
para onde me empurra Florbela…alma do Alentejo errante
que, no vento me mostra o amor , em hino de dor…
“SE TU VIESSES VER-ME HOJE À TARDINHA…
…E ME PRENDESSES TODA NOS TEUS BRAÇOS…”

O Sol, superior, bate na água da terra
Numa orgia de calor…

Marilisa
R/CL 11/36 (mqc)-ABR/011
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=223821364301107&set=a.104671869549391.10003.100000197344912&type=3&theater
*
poucos vão extraordinariamente bem porque são agiotas.especuladores.opressores...ou servem-nos como os do governo PSócrates e o PSD:PP...depois votem neles e digam que eu e os da CDU é que são culpados porque não falamos com a troika que vem roubar-nos às claras!!!
https://www.youtube.com/watch?v=1RItM40rI8I
*
jeró.M.nimoU quem viu...é de facto 1 pessoa magnífica!!!
*
NAVEgar...ir ao fundo e voltar...quem conquista sempre rouba...embrulhar no teu corpo..é tempo de partir...meu amor de LisBOA
https://www.youtube.com/watch?v=x2D7XujdElA
*
descubram aqui SER.SENTIR...e nazaré...que rima com MARé...
https://www.youtube.com/watch?v=CyBcHUe4WeQ
***
2010...memórias deste dia:
Banda de Alcobaça.1º lugar num concurso de Bandas em Vila Franca de Xira... que bela notícia...alcobaça terra d'arte e d'artistas!!!aquel'abRRaço para tds os vencedores e vencedoras!!!!
*
seguinte receita:


*** Mini-Cenoura com Frutos do Deserto ao Natural ***
https://www.facebook.com/notes/leonor-nascimento/-edietal-/401773484144/
***
hj é dia do SOL
poucos rePARAM nele
e no entantooooooooooooooooooooo
é decisivo para estarmos vivos
http://naturlink.pt/article.aspx?menuid=20&cid=34982&bl=1
*
Hoje, na brincadeira, estou a dizer a toda a gente: Eu é que sou o culpado! Tenho lutado mas não sou convincente. O meu PCP.CDU é que tem a culpa não somos convincentes, não somos eficazes, não conseguimos que a maioria do povo vote em nós...Mas a brincadeira desconcerta...e resulta...
***
hj é dia DM da LIBERDADE DE IMPRENSA...aquel' abRR ação a quem comunica com viVERDADE!!!

http://www.jornalistas.eu/?n=9124
***
2003
OTCA...Orquestra Típica e Coral d' ALCOBAÇA que vos abRRaça
http://uniralcobaca.blogspot.pt/2014/05/79524maio20141058-otca-esta-de.html
***
2002
 euro confirmado... Extratos do discurso de Carlos Carvalhas em 1997 na Assembleia da República
ou "quem sabia.....sabia de facto... mas não foi lido nem ouvido"
Acusamos o Primeiro-Ministro e o Governo de conduzirem uma
política económica subjugada pela prioridade absoluta da moeda
única que se traduz numa política de regressão social, de
aumento do desemprego e na eliminação de direitos duramente
conquistados pelos trabalhadores ao longo de muitas dezenas de
anos.
Acusamos o Primeiro-Ministro e o Governo de com a sua fé cega
nos dogmas de Maastricht e da participação na moeda única
espoliarem o País do poder soberano de utilizar os instrumentos
monetário e orçamental para enfrentar situações de crise,
impondo assim que todos os custos recaiam inevitavelmente sobre
os trabalhadores, através do aumento do desemprego e do
congelamento ou reduções salariais; sobre os reformados e sobre
muitos e muitos pequenos e médios empresários.
E quando se questiona o Governo sobre as consequências para o
nosso aparelho produtivo, para as pequenas e médias empresas
não exportadoras, ou sobre quem vai pagar os custos operativos
da introdução do "Euro", cada Banco, ou mesmo no
pequeno comércio a resposta é inevitavelmente a mesma: não há
outro caminho, não há outra solução.
Depois quando o desemprego explodir e ele já é bem superior
ao que as manobras estatísticas revelam, então lá teremos as
desculpas dos constrangimentos externos...
Argumenta o Sr. Primeiro-Ministro com os mercados que
fustigariam o escudo! Bela desculpa. Os mercados, Sr.
Primeiro-Ministro, não são entidades abstractas, têm rosto,
são os Bancos, é o capital financeiro. Têm rosto mas não têm
certidão de eleitor. Ou será que o governo PS entende que os
mercados devem decidir pelo povo português? Pela nossa parte
rejeitamos a teologia economicista que confia aos
"mercados" o Governo de Portugal.
Nenhum governo tem legitimidade ou está mandatado para
suprimir a moeda nacional e substituí-la por uma moeda única da
União Europeia imposta pelos interesses do eixo franco-alemão.
Porque o PS (e o PSD) sabe que a moeda única e o caminho
seguido põe em causa e subalterniza o princípio da
"coesão económica e social", tem pés de barro e os
ditos critérios não têm qualquer fundamento económico ou
científico.
É um caminho para mais desemprego e sub-emprego, que
fragiliza e põe em causa o aparelho produtivo nacional e o
futuro soberano e democrático de Portugal.
A moeda única fragiliza e põe em causa o aparelho produtivo nacional.
É ou não verdade que a moeda única, um euro feito, como é
inevitável, à imagem e semelhança do marco, super valorizado
em relação ao curso normal do escudo, vai tornar ainda mais
difícil a competitividade dos produtos portugueses nos mercados
europeu e mundial quando confrontados com os nossos principais
concorrentes, os países fora da zona do euro, os países
asiáticos, os países do continente americano, com as suas
moedas e taxas de câmbio próprias?
A moeda única e os critérios de Maastricht são um factor de
aumento do desemprego.
A livre circulação de capitais - facilitada e dinamizada
pela moeda única - em condições de relativa aproximação
média das taxas de juro, vai impulsionar a deslocalização do
dinheiro, dos investimentos, das empresas, para as regiões da
Comunidade Europeia com maiores produtividades e dinamismo
económico.
A vantagem «comparativa» que o Governo do PS se prepara para
oferecer é uma força de trabalho mais barata, com menos
garantias sociais.
Aí virão os apelos e as chantagens sobre os trabalhadores
para políticas ditas de moderação salarial, de aumento da
desregulamentação das relações de trabalho, de mais
precariedade, de maior facilidade de despedimento, de mobilidade
dos trabalhadores, de menor protecção social.
E isto num pais onde os lucros das grandes empresas estão em alta e o
investimento em baixa, onde cerca de 50% da mão de obra tem
vínculos precários e onde se mantêm as artimanhas
governamentais para que as 40 horas não sejam cumpridas!
A probabilidade de da UEM resultarem consequências
sociais nefastas é maior na Grécia, Itália, Espanha e
Portugal...». É uma evidência que com a liquidação de
empresas e sectores o aumento do desemprego será uma realidade.
A moeda única não é um projecto de cooperação Europeia, não é um projecto para
o desenvolvimento das economias mais periféricas, e da economia portuguesa em
particular.
A moeda única não é um projecto para mais e melhor emprego.
A moeda única é um projecto ao serviço de um directório de
grande potências e de consolidação do poder de grandes
transnacionais na guerra com as transnacionais e as economias
americanas e asiáticas, por uma nova divisão internacional do
trabalho e pela partilha dos mercados mundiais.
A moeda única é um projecto político que conduzirá a
choques e a pressões a favor da construção de uma Europa
federal, ao congelamento de salários, à liquidação de
direitos, ao desmantelamento da segurança social e à
desresponsabilização crescente das funções sociais do
Estado...http://uniralcobaca.blogspot.pt/2013/04/645818abril2013749-ter-razao-na-hora-da.html
***
1950
começa o julgamento de ÁLVARO CUNHAL
 ....preso pelos fascistas.salazaristas...Não podemos ignorar quem resistiu e quem disse não à ditadura!!! Os "democratas" que se atrevem a historiar que o PCP queria instalar outra ditadura é uma das maiores aberrações que vou ouvindo e lendo...!!!
 "Nem todos quantos estão dispostos a lutar pela liberdade estão dispostos a lutar pelo socialismo, mas todos quantos estão dispostos a lutar pelo socialismo estão prontos a lutar pela liberdade."
*
«Uma qualidade essencial num dirigente comunista é a consciência de que tem sempre de aprender, tem sempre de enriquecer a sua experiencia, tem sempre de saber ouvir as organizações e os militantes que dirige. E, quando se fala em ouvir, não se trata apenas de ouvir num gesto formal, protocolar e condescendente. Não se trata de receber passivamente e registar por obrigação o que os outros dizem. Trata-se de conhecer, de aproveitar e de aprender com a informação, a opinião e a experiência dos outros»
http://uniralcobaca.blogspot.pt/2013/12/724411dez20131122-alvaro.html
***
1933
James Brown
https://www.youtube.com/watch?v=t5CAQU6KsMI
***
1922
 Vasco Gonçalves: "Dois homens são mais lúcidos que um só."
«Eu penso que o momento histórico que estamos a viver é um momento comparável a 1820, a 1836, a 1910…Nessas datas, perspectivas se abriram ao futuro dos portugueses, e essas perspectivas foram iludidas. Pois bem, é um dever de honra do Movimento das Forças Armadas e de todas as forças progressivas e patrióticas do nosso país, que não deixem quebrar-se essa esperança e que desta vez não percamos o nosso futuro. É preciso termos a consciência do momento em que vivemos. Nós vivemos um momento histórico, um momento como não viveram os vossos pais e como não sabemos se viverão os nossos filhos. Estes momentos são raros na história portuguesa. É preciso que, tendo a consciência que somos os construtores do nosso futuro, saibamos dar os passos com lucidez que está ao alcance de todos. Dois homens são mais lúcidos que um só.»
Não existe terceira via para o socialismo|
«Penso que hoje não há espaço para uma "terceira via". A experiência do passado e do presente demonstra-nos que a "terceira via" caminha sempre para a direita, caminha sempre num rumo reformista do capital, para a ideia de uma suposta "reforma do capital". Não se trata de alcançar um capitalismo reformado sem superar o capitalismo. O capitalismo não é reformável, porque as relações sociais nas quais se baseia, e sem as quais não pode sobreviver, são intrinsecamente injustas e de exploração do homem pelo homem. A "terceira via" não persegue conquistas profundas nas estruturas económicas e sociais. Basta olhar a Inglaterra, a França e a Alemanha para corroborá-lo. Jospin em França, Schroeder na Alemanha e Blair na Grã-Bretanha adoptaram na prática políticas neoliberais e de privatizações. Todos os que pretendem colocar-se entre o capitalismo e o socialismo, no final acabam por adoptar políticas neoliberais. »
http://uniralcobaca.blogspot.pt/2014/04/77998abril201477-vasco-goncalves-1.html
***
1919
Pete Seeger
https://www.youtube.com/watch?v=QhnPVP23rzo&index=14&list=PLdNjZptj2UNpTCTfcSQ4euXzsHxdHARwe
***
1469
Maquiavel
 "Todos vêem o que pareces ser, mas poucos realmente sentem o que és."
"Quem num mundo cheio de perversos pretende seguir em tudo os ditames da bondade, caminha inevitavelmente para a própria perdição."
"Os fins justificam os meios"
"...Pois o homem que queira professar o bem por toda parte é natural que se arruíne entre tantos que não são bons."
"Os homens prudentes sabem tirar proveito de todas as suas ações,mesmo daquelas a que são obrigados pela necessidade."
"Quando fizer o bem, faça-o aos poucos. Quando for praticar o mal, fazê-lo de uma vez só."
"Há uma dúvida se é melhor sermos amados do que temidos, ou vice-versa. Deve-se responder que gostaríamos de ter ambas as coisas, sendo amados e temidos; mas, como é difícil juntar as duas coisas, se tivermos que renunciar a uma delas, é muito mais seguro sermos temidos do que amados... pois dos homens, em geral, podemos dizer o seguinte: eles são ingratos, volúveis, simuladores, covardes e ambiciosos; eles furtam-se aos perigos e são ávidos de lucrar. Enquanto você fizer o bem para eles, são todos teus, oferecem-te seu próprio sangue, suas posses, suas vidas, seus filhos. Isso tudo até em momentos que você não tem necessidade. Mas, quando você precisar, eles viram-lhe as costas."
"Creio que seriam desejáveis ambas as coisas, mas, como é difícil reuní-las, é mais seguro ser temido do que amado."

http://uniralcobaca.blogspot.pt/2014/05/3maio201497nicolau-maquiavel.html
***
1494
Colombo descobre Jamaica
 ...os "descobrimentos" espanhóis foram bem piores que os dos Portugueses...Os milhões de indígenas que eles mataram...
***
 E A POESIA DE JOAQUIM PESSOA:
2013
a pitadinha diária de Joaquim Pessoa
(...) mas é contigo que eu quero ficar só
porque é a ti
a ti que eu amo.
Foto de Gabriela G. Santos.
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=4414968305804&set=gm.533033810072067&type=3&theater
*
2014
123º dia de 2014...viva o 3 de maio...viva Joaquim Pessoa...viva a poesia...
"Amo-te Por Todas as Razões e Mais Uma
Por todas as razões e mais uma. Esta é a resposta que costumo dar-te quando me perguntas por que razão te amo. Porque nunca existe apenas uma razão para amar alguém. Porque não pode haver nem há só uma razão para te amar.
Amo-te porque me fascinas e porque me libertas e porque fazes sentir-me bem. E porque me surpreendes e porque me sufocas e porque enches a minha alma de mar e o meu espírito de sol e o meu corpo de fadiga. E porque me confundes e porque me enfureces e porque me iluminas e porque me deslumbras.
Amo-te porque quero amar-te e porque tenho necessidade de te amar e porque amar-te é uma aventura. Amo-te porque sim mas também porque não e, quem sabe, porque talvez. E por todas as razões que sei e pelas que não sei e por aquelas que nunca virei a conhecer. E porque te conheço e porque me conheço. E porque te adivinho. Estas são todas as razões.
Mas há mais uma: porque não pode existir outra como tu. "

in 'Ano Comum'
*
 Dia 200.
Daremos luta.
in ANO COMUM

 Foto de Esperanza Barrero Alfonso.
 https://www.facebook.com/photo.php?fbid=767097563308801&set=a.368863383132223.92234.100000256937848&type=3&theater
*
Foto de Quem lê Sophia de Mello Breyner Andresen.
https://www.facebook.com/112890882080018/photos/a.114014221967684.7650.112890882080018/839149132787519/?type=1&theater
n O POETA ENAMORADO (Os Poemas de Amor), com Prefácio de Guilherme Antunes (Editora Edições Esgotadas, 2015) 

*

Beijo os teus seios e a tarde comove-se
como se tocassem sinos.

Levanto a tua cabeça entre os meus dedos
e abro contra o dia os teus cabelos
e, logo, as aves do silêncio levantam voo e dançam
loucas em volta dos teus olhos,
e a tua boca aperta-se,
morde
a minha boca
enquanto as minhas mãos vão percorrendo
nenhum deus à flor da tua pele
por esse caminho branco onde agonizam éguas
vestidas de primavera.

Arte de © Christian Schloe
*(LT)

*

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=801024233285868&set=a.437080193013609.99115.100001348957610&type=1&theater
Dia 22. 

O meu coração é uma cidade estrangeira, com esperanças em branco, como avenidas novas por habitar. Quando a vida um dia me derrubar, a cidade iluminar-se-á com um enxame de luzes, para renovar a celebração da primavera. Nos muros desta cidade os grafittis estão vivos, são flores, são facas, são cheiros e coisas acesas por alguém que quis surpreender o mundo. Golpes distantes, desanimados golpes, apenas feriram o centro das rosas, não deixaram mais que uma liberdade próxima da dos reféns. O meu coração tem mais de um século e está perto do céu. Mas está tão escondido de mim que o seu fogo já não me imobiliza, e a sua dor é idêntica à das coisas que envelhecem. Nele, houve um tempo para o sonho, para a verdade, para a persistência. Hoje, a sabedoria é como a última manhã de um condenado. Apenas serve para saber que a tarde já pertence a um futuro que não há.

in ANO COMUM, Litexa Editora
*
For the Love,for the Death and the Poetry

**

https://www.facebook.com/112890882080018/photos/a.114014221967684.7650.112890882080018/840190909350008/?type=1&theater
 in ANO COMUM (Litexa, 2011), (Ed. Edições Esgotadas, 2ª ed., 2013)

Dia 242

Houve uma ilha em ti que eu conquistei.
Uma ilha num mar de solidão.
Tinha um nome a ilha onde morei.
Chamava-se essa ilha Coração.

Que saudades do tempo que passei.
Nenhum desses momentos foi em vão.
Do teu corpo, de ti, já nada sei.
Também não sei da ilha, não sei, não.

Só sei de mim, coberto de raízes.
Enterrei os momentos mais felizes.
Vivo agora na sombra a recordar.

A ilha que eu amei já não existe.
Agora amo o céu quando estou triste
por não saber do coração do mar.


Tela: The island, de © Anna Ewa Miarczyńska(Polónia)
*(LT)